quarta-feira, 30 de novembro de 2011

O que é verdadeiro, pernamece sempre !

Ela: Comecei a namorar ontem.
Ele: é , Fiquei sabendo, você entrega essa carta para o seu namorado?


A Carta:

“Cuida dela. Cuida quando ela falar que tá triste, faça a ficar feliz nem que você tenha que usar um nariz de palhaço. Ela vai dizer que te odeia quando ela quiser ouvir que você a ama. Preste atenção nela, no jeito que ela sorri primeiro de um lado quando tá sem graça e comente sobre a cor do esmalte dela. Ela gosta de te dar mordidas, mas não a deixe morder. Comece uma briga pelo qual é mais forte, mais alto, mais bonito e depois diga que a ama. Deixe ela sem graça e por favor, ela gosta de coca e de tênis. Diga a ela que eu ainda a amo e diga a ela que ela fica linda de blusa roxa e sinceramente? Toda infelicidade do mundo pra vocês. Com amor, o cara mais feliz do mundo só por ter visto ela sorrir.”

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

169 ♥

Queria poder dar-te anos únicos, momentos perfeitos, sonhos concretizados.. apenas sinto que te dou um presente feliz, onde te amo com todas as minhas certezas e partes, onde um dia sem ti é imcomparável a um dia sem água.
sabes que eu poderia fazer um texto extenso, que te ia dar muito trabalho a ler e tal.. mas sabes? não tenho grande coisa a dizer.. porque não é a dizer o que és pra mim que te dou provas do quanto te amo, mas sim com as minhas ações e tenho certeza que não precisas de palavras pra o entender, pois basta olhar pro nosso dia-a-dia pra entenderes que vales mais que diamantes, logo és mais que eterno.
Hoje, oh pah...  basta dizer que já fazes com que o meu dia valha a pena apenas com um olhar, e já me tornas a pessoa mais feliz do mundo apenas com um gesto. és o único que sabe tudo o que vivemos até agora, és o único que provavelmente sentiu o que eu senti, ou mais que isso. és o único que sabe bem que certas coisas sao inexplicáveis e esta é uma delas.
fazes com que o verbo amar valha tão pouco.. mas sabes? isso é bom !
estes foras os primeiros dois meses de muitos outros, que passarão ainda mais rápido, mais perfeitos.
sim, perfeitos, pois basta com que estejas a menos de 1cm de mim para tudo se tornar perfeito. o nosso 69 é eterno, e só tu o percebes.. mas sabes? foi a partir do 169 que realmente me dei conta do quão especial eras,
eu amo-te, xau

terça-feira, 8 de novembro de 2011

pequenos monstros,

Por vezes é fácil passar por uma janela onde do outro lado está uma sala de pequenos monstros e continuar.
mas por outro lado, também é difícil deixar a vida andar, dia após dia e passar por essa janela todos os dias, e nunca parar pra ver, pra observar, pra encontrar a sua solução.
uma pessoa tem sempre medo de entrar pela janela e enfrentar aqueles pequenos monstros, ou mais especificamente, problemas. por vezes eles atiram-nos abaixo vezes e vezes sem conta, e não ficando completamente resolvidos voltam a atacar. então de que vale tentar resolve-los?
oie, o mundo não é o que as pessoas pensam, feito de arco-íris e libelinhas ! existem sempre monstros prontos pra nos infernizar a vida, pra nos deixar na lama nos momentos felizes, pra estragar todo um tempo de felicidade. Existem até monstros capazes de derrotar a aliança mais forte, o amor !
o meu objectivo não é ser uma super heroína, é apenas ser feliz.
para isso preciso de ti, aqui, sem monstros e complicações. porque é que as coisas não podem apenas ser como nós queremos? porque é que não pode haver um veneno para dar cabo dos monstros todos?

Derrotadores de felicidades, ladrões de certezas, "implantadores" de lágrimas. é isso que eles são.
para que é que eles servem? apenas para virar as coisas ao contrário.

Tu,
sabes uma coisa?
apesar de tudo, eu estou sempre contigo. mesmo em silêncio, eu apoio-te. mesmo julgando-te, eu tento fazer com que vejas o melhor caminho. eu tento enfrentar todos os monstros, mesmo que isso me fira, me marque de forma negativa, mesmo que me deite abaixo. sabes porque? porque eu amo-te mais do que me amo a mim ! eu não me importo se me magoo, desde que estejas bem, tudo ok.
oh pah, isto é muito bonito de dizer, eu sei, tenho noção disso.
por vezes tentar não chega sabes? tento estar suficientemente forte pra vencer esses monstros, essas barreiras, mas fico tão sensível, tão sensível (!) que com apenas uma pequena rajada de vento tudo isso cai e fica apenas um monte de cacos, a precisar de ajuda para serem recompostos. a verdade é que nunca mais é a mesma coisa.
não estou a dizer que nunca mais vai ser a mesma coisa, acredito que será melhor. mas apenas quando já não houver monstros perseguidores, mortinhos por atacar num momento oportuno.
tenho a certeza que nada disto vale a pena, mas desculpa, não consigo. não enquanto esta perseguição continuar.



mas sabes?

apesar de tudo, eu AMO-TE de uma maneira doentia

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Rapaz: " Acabei com ela ... "
O melhor amigo dele: " O que aconteceu ? "
Rapaz: " Ela é simplesmente demais para mim. "
O melhor amigo dele: " O que te faz dizer isso? O que é que ela fez ? "
Rapaz: " Bem, por um lado… Ela só se preocupava com a sua aparência, demorava sempre para se vestir! Tão insegura … "
... O melhor amigo dele: " Então, partiste-lhe o coração, porque ela queria manter os teus olhos sobre ela? Ela queria que tu visses que tens a rapariga mais bonita do mundo e que não devias pensar de outra forma? Pois.. "
Rapaz: " Ah… Bem… Ela muitas vezes mandava-me mensagens a perguntar onde estou, com quem estou, a dizer-me para não fumar, não beber. Ela é tão colas! "
O melhor amigo dele: " Então, partiste-lhe o coração, porque ela se preocupa com teu bem estar? Porque se preocupa contigo? E o maior medo dela, é perder-te?Pois.. "
Rapaz: " Mas… Ah… Bem, ela estava sempre a chorar.. Ela não pode lidar com qualquer coisa. É uma bébé chorona ! "
O melhor amigo dele: " Então, partiste-lhe o coração, porque ela tem sentimentos? E porque ela só queria ouvir-te dizer que a amas? Pois.. "
Rapaz: " E… Bem! Tu sabes, ela tinha ciúmes. Eu mal podia falar com outras raparigas! É tão irritante! "
O melhor amigo dele: " Então, partiste-lhe o coração, porque ela só queria que te comprometesses com ela? Ela pensou que eras fiel, mas tu mentiste-lhe. Ela só queria que o rapaz que ela mais ama, só a amasse a ela . Pois.. "
Rapaz: " Ah... Bem... "
O melhor amigo dele: " Tu acabaste com ela porque ela era boa para ti? Ela só queria o melhor para ti? Ela está acabada agora, porque tu és egoísta. Estás orgulhoso? "
Rapaz: " Eu parti-lhe o coração, porque não conseguia ver o que estava a acontecer... O que que passou comigo? "
O melhor amigo dele: " Tu perdes-te a rapariga que te amou como nunca ninguém te amará. Consegues ver? Tu não a querias quando tudo que ela sempre quis foste tu..."

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

é sincero, é verdadeiro, é amor !

um novo capitulo começou,
lágrimas secaram... deram lugares a sorrisos sinceros, a gestos inocentes, sentidos, vividos. deram lugar a uma nova felicidade, a uma nova descoberta, a um começo de uma história, que já havia começado à muito mas não seguia o rumo certo. e apenas bastou um olhar, dois corpos, duas almas e um só sentimento: amor.

passou um mês, que mais parece uma semana. contigo o tempo voa ! talvez porque me fazes levantar voo, me fazes ir mais alto... dizem que quando mais se sobe, maior é a queda. mas acredito que estarás lá para ma amparar, ou simplesmente, ajudar a subir mais e mais.
és a outra parte de mim, a parte que me completa, a parte que me faltava e eu procurava, procurava, procurava... e não encontrava ! mas porque?! talvez porque às vezes não as queremos encontrar, não as queremos ver, não as queremos sentir... mas agora não tenho medos ! encontro-me no mais certo dos caminhos, onde para trás se estende um muro que não me deixa recuar, mas também não tencionava fazê-lo, não iria cair no erro de perder este sentimento novamente, meu raio de sol.
raio de sol que me aqueceu durante este mês. que me deu força e motivo para acordar, começar um novo dia e pensar: "aqui estou eu ! tenho uma razão para aqui continuar, para aqui estar, para amar. tenho-o a ele, não quero nem preciso de nada mais." e espero que mesmo depois do sol acabar que eu continue a ter sol, calor... a ter razão para continuar o meu caminho.
és o mais belo dos seres, pois és capaz de me proporcionar o mais belo dos sentimentos, e fazes-lo bem !! deveras bem !! cada vez que te vejo ao longe, dá-me uma vontade enooorrrmeee de correr para te abraçar, para te tocar, beijar.. porque só assim terei certezas que não és mais um sonho meu, mas uma realidade minha. realidade essa que está alojada no mais lindo lugar de meu coração.

poderia dizer mil e uma mais coisas.. mas nenhuma palavra vai substituir o bater do meu coração neste momento, e em muitos outros momentos, nenhuma palavra vai descrever perfeitamente aquilo que eu sinto, sentimos. porque as coisas mais belas, mais sinceras, mais verdadeiras, sentem-se ! e triste é aquele que consegue descrever os seus sentimentos, porque nunca o conseguirá fazer na perfeição. só te posso mostrar aquilo que realmente sinto, e cada vez que olhares para o meu olhar verás que realmente eu amo-te, Rúben Diogo Magalhães Pinto !

sábado, 10 de setembro de 2011

ironias !! (ou indirectas, tipo )

aiiiiiiiiiiiiiiiii, como são lindas :D
sério, isto não é ironia , eu gosto mesmo !

tipo, o seguinte caso tem piada:
conhece-se uma pessoa, no dia a seguir tão juntos, depois já o amam verdadeiramente e nem uma semana depois já dizem que aprenderam muito e que aquela pessoa lhe mudou a vida, apenas porque já não vão ter mais nada..

 a cena é que, para se amar mesmo, é preciso confiança. e essa confiança não se ganha em 4 dias ! ganha-se num mês, dois.... ah !! antes de se amar tem de se gostar né? LINDOOO !! :D
outro caso, é a cena de bater coro a ex namoradas para esquecer (ou tentar, tadito :( ) a ultima namorada... é que é mesmo lindoooooooooooooooooooooo!! mas mete pena também ....

e outra ironia? a maiss lindaaaa !
é a cenaa de ter sempre alguém a quem meter as culpas... e depois chamá-la de MELHOR AMIGA !!!
" oie, andam praí a dizer que raptei um tipo alien mesmo giroo... oh pah, fui eu, mas vou dizer que foi a minha melhor amiga! e pronto ! depois quem fica mal vista é ela, não eu ! " :D

ahahaha, não tem piada? tem mesmoooooooooo! e eu amo esta gente, tipo xD
indirectas? sim sim.... algumas.... mas queq querem da vida?? as personagens sabem que é pra elas, não me importa, tipo, divirtam-se aí,


xauzinho, beijinhos e abracinhos :D

domingo, 4 de setembro de 2011

ac, ♥

e hoje?

já disse que te amo?
que és tudo o que mais poderia querer?

já disse que fazes parte de mim como as nuvens fazem parte do céu?
que és a minha razão para acordar e motivo para sorrir?

já disse que estar mal contigo é o mesmo que estar mal comigo?
                                                                                                que sem ti eu sou apenas mais uma pessoa?

bem, digo agora,







amoo-tee 

sábado, 3 de setembro de 2011

Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

m #

sempre aqui estive,
apenas permaneci escondida... escondida por trás de mim própria.

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

open your eyes , ♥

certezas viraram incertezas, sorrisos viraram lágrimas, felicidade virou tristeza, mas eu continuei eu... sem a parte que me arrancas-te do peito,  como se de uma boneca me tratasse.

momentos ...  memórias... apenas isso restou. 
vivo num mundo de fantasias, num planeta de príncipes e princesas, numa realidade sem finais felizes...
mas mesmo assim, MESMO ASSIM , acredito que um dia há de chegar aquele que me dará a mão e levantará voo comigo, numa jornada onde reinará o amor, o companheirismo, a amizade, e esse dia pode estar próximo... aquele "aquele" pode estar ao virar da esquina, numa ruela nada iluminada, sem saída, esperando que a felicidade o encontre.

permaneço só, nesta fase de incertezas, onde reina a indecisão e o medo. onde a coragem e a sinceridade se escondem, não sabendo como agir, como pensar. não sabendo as palavras mais correctas para usar.

mas no meio disto tudo uma coisa é certa. sempre foste mais do que apenas um amigo, um melhor amigo, um rapaz. sempre foste alguém especial e insubstituível, de quem sentirei sempre falta. um alguém que nunca esquecerei, que ficará no mais íntimo do meu eu, para sempre !

abre os olhos, vê o que tens, aproveita, sê feliz !

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

best ,

aiiii como é bom...
ser livre para gritar a marés e tempestade, " eu te amo ! "
sentir cada beijo, cada abraço, cada carinho,
ouvir a linda melodia que a tua voz tem, poder sentir o teu calor,
partilhar gargalhadas, histórias, aventuras,
mostrar a tudo e todos o que significas, sem proibições,
saber que faço parte de ti, e tu parte de mim,
que contigo posso contar, desabafar, brincar,

porque está sempre tudo bem ! e se não tiver, tens o poder, a força, a garra para consertar as coisas da melhor maneira, uma maneira que só tu conheces.
és o meu próprio veneno, e a única pessoa que me pode salvar.
és aquela que me tira dos furacões, das tempestades, das marés altas. és a que me salva a vida, e aquela que lhe dá o próprio rumo, és a minha melhor amiga, a minha irmã, a minha vida.
e eu amo-te por tudo !!! e estarei aqui para tudo, quer para as derrotas , quer para as vitórias. estou aqui para te apoiar mesmo que não concorde, para te segurar quando caíres, e para te levantar !

" és parte de mim, essência do meu ser. és a melhor amiga que jamais poderia ter ! "

sábado, 23 de julho de 2011

que dia é hoje?

que dia é hoje?

bem, para muitos esta pergunta pode não fazer sentido nenhum.. mas para mim, e para muitas pessoas como eu faz.
já alguma vez pensaram que estavam muito melhores se o tempo voltasse atrás? já alguma vez desejaram corrigir alguns erros do passado, que vos marcam no presente? bem, eu já.

e é exactamente por isso que faço esta pergunta.
se o tempo voltasse atrás, eu não tinha cometido os erros que cometi, perdido as pessoas que perdi, dar oportunidades a quem não as aproveita... se o tempo voltasse atrás eu era uma pessoa muito mais feliz, continuava a ser o que sempre fui : apenas eu ! e não me caía nada...
mas a vida é cheia de "se's" , e eu no presente não posso voltar pro passado. por isso resta-me viver o presente ao máximo, e esperar com esperança pelo futuro, porque de certeza, no futuro, eu não cometerei os mesmos erros que cometi no passado. no futuro, eu vou fazer de tudo para ser feliz e voltar a ser eu !


então, que dia é hoje?
  - hoje é dia 16 de dezembro de 2010.





quarta-feira, 20 de julho de 2011

tudo porque acabou, :)

aprendi a ver o mundo com outros olhos, a respeitar para ser respeitada, a ser feliz para fazer feliz.
pintei o meu mundo com outras cores, comecei uma fase nova, e começo a ser realmente feliz !
descubro, aos poucos e poucos, os amigos maravilhosos que tenho, que sempre tive... mas não dava valor !
começo a viver cada dia como se fosse o último, a aproveitar cada momento com cada um deles, como se fosse o último , VIVO !
já não sou prisioneira do meu coração, criada dos meus sentimentos, já não me sinto uma pedra, virei diamante.
às vezes dou por mim a pensar no passado... nas gargalhadas que dei, nos sentimentos que demonstrei, nos sorrisos que falavam por si, e nos olhares que diziam tudo. nos sentimentos verdadeiros!
porque essa é a melhor memória que tenho do passado... e tenciono guarda-la para todo o sempre, porque os bons momentos nunca se esquecem. eles são os alicerces da minha felicidade, e vou te-los sempre um lugar no meu coração !



segunda-feira, 18 de julho de 2011

E um dia você aprende que…

“Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se, que companhia nem sempre significa segurança, e começa a aprender que beijos não são contratos, e que presentes não são promessas.

Começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança; aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão. 

Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo, e aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam… 

Aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoa-la por isso. 

Aprende que falar pode aliviar dores emocionais, e descobre que se leva anos para se construir confiança e apenas segundos para destruí-la, e que você pode fazer coisas em um instante, das quais se arrependerá pelo resto da vida; aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias, e o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida, e que bons amigos são a família que nos permitiram escolher

Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendemos que eles mudam; percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos. 

Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa, por isso sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas; pode ser a última vez que as vejamos. 

Aprende que as circunstâncias e os ambientes tem influência sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos. 

Começa a aprender que não se deve comparar-se com os outros, mas com o melhor que pode ser. 

Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto. 

Aprende que não importa onde já chegou, mas onde se está indo, mas se você não sabe para onde está indo qualquer lugar serve. 

Aprende que ou você controla seus actos ou eles o controlarão, e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem dois lados. 

Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as consequências. 

Aprende que paciência requer muita prática

Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera que o chute quando você cai é uma das poucas que o ajudam a levantar-se; aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas do que com quantos aniversários você celebrou; aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha; aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens; poucas coisas são tão humilhantes… e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso. 

Aprende que quando se está com raiva se tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel. 

Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame não significa que esse alguém não o ama com tudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso. 

Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém; algumas vezes você tem que aprender a perdoar a si mesmo. 

Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado.

Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte.

Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás, portanto, plante seu jardim e decore sua alma ao invés de esperar que alguém lhe traga flores, e você aprende que realmente pode suportar… que realmente é forte e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais

Descobre que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida! Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem que poderíamos conquistar, se não fosse o medo de tentar.”
 
 

William Shakespeare

 

domingo, 17 de julho de 2011



Tudo gira à tua volta e em função de ti !

muda o teu caminho, SÊ FELIZ !



fiz coisas por impulso, pronunciei palavras por me sentir culpada, chorei por não me sentir feliz, realizada... porque faltava uma parte, faltavas tu.
relembro certos momentos, ouço certas músicas, tenho raiva !
raiva porque me mostras-te ser tudo aquilo que eu pensei que não fosses, por fazeres todas as coisas que eu pensei que nunca fizesses... e apetece-me chorar até secar...

este não vai ser mais um no meio de muitos textos direccionados a ti.. este vai ser O texto ! vai ser, finalmente, o fim daquele capítulo, o fim da infelicidade, o começo de um novo caminho, que já devia estar traçado à muito tempo. este vai ser um texto à felicidade !
porque ela está dentro de cada um de nós... a nossa felicidade não são os outros, nem o que eles fazem.. SOMOS NÓS! nós traçamos o nosso caminho, fazemos as nossas escolhas, pensamos no que queremos... cabe a nós mudar a nossa tristeza. 
como? sendo felizes ! aproveitar cada momento do nosso dia, fazer com que cada segundo valha a pena , dando um bocadinho de nós a quem realmente merece ! 
não percas tempo com pessoas que só te deitam a baixo, só te rebaixam, só te fazem chorar... porque essas não merecem uma milésima do teu sorriso.
e não fiques triste com coisas sem importância ! porque depois vais olhar pra trás, juntar todos os segundos em que estiveste "menos bem", e vais reparar que perdes-te anos da tua vida !

muda o teu caminho, SÊ FELIZ !

sábado, 16 de julho de 2011

be happy ,



"Ser feliz é fazer de cada minuto, um momento especial."

sexta-feira, 8 de julho de 2011

o verdadeiro rumo

no meio da dor, encontrei a alegria,
na alegria, encontrei a felicidade,
na felicidade, descobri o caminho, a razão, o porquê.

meu caminho anterior estava marcado pela dor, pelo desespero, pela esperança falhada.. será que o podia chamar mesmo de caminho? certamente não...
porque um caminho baseado em mentiras não é de certeza o melhor caminho a seguir,
um caminho cheio de desilusões não é certamente o mais certo....
um coração magoado, não é o mais feliz !

mas curei feridas, curei facadas, curei desilusões... de certa maneira...
e só as curando, consegui ser feliz, com quem me merece, com quem me dá valor, com quem me é tudo !

encontrei o caminho certo, o rumo certo, o futuro certo. comecei um novo capítulo, onde já não apareces, já não és personagem principal, onde alguém como tu já não faz falta !
mas pergunto-me: - será que esqueci? será que já não me dói, não me magoa, não me trás recordações ou volta a desiludir?

sim. faz isso tudo, mas é o meu verdadeiro rumo .

terça-feira, 14 de junho de 2011

dia 4 - margaridagonçalves ♥

Acho que esta música diz grande parte daquilo que te quero dizer...

With Me - Sum41
Eu não quero que esse momento acabe nunca,
Onde tudo é nada, sem você
Eu esperaria aqui para sempre apenas para, para ver você sorrir
Porque isso é verdade, eu não sou nada sem você

Através disso tudo, eu cometi meus erros
Eu tropeço e caio,
Mas eu digo essas palavras.

Eu quero que você saiba, com tudo eu não vou deixar isso acabar
Essas palavras são meu coração e minha alma
Eu vou me segurar nesse momento, você sabe
Pois sangro meu coração para mostrar, que não vou deixar acabar

Pensamentos lidos não falados, para sempre na dúvida.
E pedaços de memórias caem no chão
Eu sei o que eu nao tive, entao, eu não vou deixar isso acabar
Porque isso é verdade, não sou nada sem você

Todas as ruas, onde eu andei sozinho
Sem lugar pra ir
Eu cheguei num fim

Eu quero que você saiba, com tudo eu não vou deixar isso acabar
Essas palavras são meu coração e minha alma
Eu vou me segurar nesse momento sabe
Pois sangro meu coração para mostrar, que não vou deixar acabar

Na frente de seus olhos, isso cai dos céus
Quando você não sabe o que você está procurando encontrar
Na frente de seus olhos, isso cai dos céus
Quando você não sabe o que você vai encontrar

Eu não quero que esse momento, algum dia acabe,
Onde tudo é nada sem você

Eu quero que você saiba, com tudo eu não vou deixar isso acabar
Essas palavras são meu coração e minha alma
Eu vou me segurar nesse momento sabe
Pois sangro meu coração para mostrar, que não vou deixar acaba




Margarida, foi como se o céu tivesse ficado cinzento, como se os pássaros parassem de cantar,
foi como se todas as folhas das árvores se tivessem soltado e feito uma tempestade em volta de mim, 
foi como se tivesse perdido grande parte de mim :x 
caramba, eu gosto énes de ti, mesmo ! e custa-me que as coisas já não sejam como eram, custa-me continuar a minha vida, seguir o meu rumo, o meu caminho, sem ti a meu lado, porque eu NÃO quero isso, nunca quis, nunca o desejei, nunca o pedi .
estás aqui, no 4º dia, porque mereces. porque apesar de tudo, és das MELHORES pessoas que conheço, és das melhores amigas que eu tenho, és a coisa mais fantástica que eu alguma vez tive oportunidade de conhecer. 
és a minha vampira preferida, és a minha moça teem edward preferida, és tudo, eu amo-te e não me quero afastar (ainda mais) de ti.
porque eu amei, amo e amarei para sempre o passado, que está a ser complicado de voltar no presente, mas eu sei, eu quero, eu vou fazer de tudo para que ele volte no presente, porque só assim eu vou ser eu, eu vou recuperar aquela parte de mim que à muito está perdida. só assim, eu vou conseguir seguir em frente, contigo !
porque quando eu passo por ti, e não te comprimento, não te falo, é como se o meu mundo caísse todo, é como se levasse uma facada nas costas, e eu não quero sentir isso outra vez.

acredito que um dia, ainda vamos voltar a ser nós, ainda vamos voltar a ser o que éramos. porque os sentimentos não morrem, apenas adormecem, e já está na hora desta parvoíce acabar.

eu amo-te daqui até ao infinito, sempre !






Ele : não aguento mais.
Ela : o que que você não aguenta mais?
Ele : esse namoro, essas brigas.
Ela : mas que brigas?
Ele : tchau…
Ela: volta aqui.

Mais tarde ela liga para ele.

Ela : O que ouve?
Ele : Coisas que contam para mim, de você.
Ela : Mas como assim? o que eu fiz?
Ele : você sabe, tchau, te amo.
Ela diz: mas….
(Ele desliga o telefone)
não como deveria.

No dia seguinte na escola.

Ela : ei, ainda não entendi.
Ele: quer que eu fale na frente de todos?
Ela: pode dizer, não há nada a temer.
Ele: Você me traiu.
Ela: mas eu não o trai, nunca faria isso e você sabe…
Ele: depois conversamos estou atrasado.

Naquele mesmo dia, ela liga pra casa dele e é a mãe dele que atende.

Ela: Alô, por favor, o seu filho está?
Mãe dele: Não, pensei que você sabia…
Ela: mas, saber de que?
Mãe dele: Ele fugiu…
Ela: mas há quanto tempo?
Mãe dele: eu fui ao quarto dele, e ele não estava, daí vi, uma carta.
Ela: está bem, obrigada, se precisar, estou aqui.

Após desligar, ela sai correndo do quarto e vai ao um lugar, que eles sempre iam. Ele estava lá, com cara de choro.

Ela: O que aconteceu? Porque fugiu?
Ele: por motivos.
Ela: mas que motivos? Eu te amo.
Ele: não como deveria
Ela: porque?
Ele: você me traiu.
Ela: Quer mesmo acreditar, em outras pessoas, ao em vez de mim?
Ele: não é assim, mas…
Ela: não é assim o que? Prefere acreditar em pessoas que tentam, separar nos dois?
Ele: como devo confiar em você?
Ela: lembra daquele dia que você me beijou assim que anoiteceu?
Ele: lembro.
Ela: lembra daquela promessa que eu fiz a você?
Ele: Sim.
Ela: qual era mesmo?
Ele: que você iria me trair por dois motivos.
Ela: quais eram?
Ele: primeiro: Se você morresse. Segundo: só quando nosso amor acabasse.
Mas isso não é motivo para acreditar em você.
Ela: Eu morri? Nosso amor acabou?
Ele: não, mas me disseram isso.
Ela: pois bem, acredite em quem você quiser.

Ela sai desesperadamente de lá.
No dia seguinte, ela não aparece na aula. Ele se preocupa, ela não aprece durante dias.
Ele resolve saber aonde ela esta. Ele liga para casa dela.

Ele: Por favor a Nathalia está?
Mãe da garota: Não ela não esta.
Ele: sabe aonde ela poderia ter ido?
Mãe da garota: eu não sei, também não me preocupo saber.
Ele: porque?
Mãe da garota: porque ela fugiu, desde aquele dia que ela foi procurar você, desde então, ninguém mais a viu.

A mãe da garota desliga. E ele sai a procura, e se lembra de um local favorito dela, ele sai correndo, não a vê,
logo a frente ele vê uma garota deitada, com uma poça enorme de sangue. Ele sai correndo em direcção, e vê uma carta escrita assim:

“Lembra, da outra promessa? que se doesse muito pra mim, eu não resistiria, tentaria de alguma forma, acabar com esta dor? A única forma de te esquecer, era com a morte, pois nenhum outro garoto, conseguiria, preencher esse vazio, e que nem se eu chorasse um oceano a minha dor se esgotaria. E meu amor por você nunca acabaria.”

Ele vira a garota, e vê que é sua amada, ele tenta de alguma forma faze-la voltar, mas não consegue, ele corre, corre o mais rápido que ele conseguia, ele para e chora desesperadamente, e depois volta a correr, ele vai até o quarto do pai, pega lápis e uma folha, e escreve:
“Lembra do que eu te disse: Se você morresse eu também morreria, que será eterno, e que nem a morte poderá me afastar de você? Pois bem, será assim.
Ele pega uma arma que há na gaveta do pai, e atira em sua garganta.
Mas antes disso ele disse: NINGUÉM IRÁ IMPEDIR.
Foi um barulho muito forte, que estrondou todo o quarteirão, forte como o amor dos dois.

reflecte... tira conclusões...

segunda-feira, 13 de junho de 2011

dia 3 - bárbarasilva ♥

não foram apenas as conversas, os momentos, os gestos, as palavras, os sorrisos, os silêncios, que te fizeram tão importante, marcante e essencial para mim. foram, também, os maus momentos, as zangas, quando me davas na cabeça e me abrias os olhos, quando chorava-mos, quando pensamos que nos ia-mos perder... porque, aí sim, vi que, realmente, eras uma peça fundamental na minha história, na minha vida.
custa-me saber que, possivelmente, iremos seguir caminhos diferentes.. porque foram 5 anos de tristezas e alegrias... foram 5 anos que eu nunca vou esquecer ! tornaste-te num ser humano diferente de todos os outros, um ser humano único e especial, e desculpa se ultimamente não te tenho dado o devido valor.
quinta-feira, dia 9 de junho de 2011, foi como se o mundo me tivesse caído ao chão, foi como se de repente o céu se tivesse coberto de nuvens, como se o meu passado estivesse todo junto, ali, connosco, naquele abraço. porque é naqueles momentos que nos lembra-mos de todo um passado feliz, ao lado de pessoas importantes, como tu !
és a minha menina, a minha princesa, a minha maluca, e eu irei sempre gostar de ti, e terás PARA SEMPRE um lugar no meu coração. porque amigas como tu são raras de encontrar, e eu não tenciono perder-te, NUNCA !

não vou dizer que vai ser o fim.. porque não acredito nisso. digo apenas que é o princípio de um novo capítulo, onde eu vou fazer de tudo para manter o contacto contigo, onde eu vou fazer de tudo para não me afastar de ti. porque os verdadeiros amigos estão sempre lá, e , escolhi-te para o 3º dia, porque tu és isso mesmo. és a melhor das melhores, és a minha BárbaraSilva .




                                                                 sempre

domingo, 12 de junho de 2011

dia 2 - winterlove (he)

todos os textos começam por um começo e acabam num fim.. mas hoje, eu não consigo encontrar um começo realmente digno da pessoa que escolhi. talvez porque essa pessoa não merece uma décima da minha consideração, talvez porque me magoou, me enganou, me fez sentir como se fosse apenas mais uma, mais uma boneca de trapos, mais uma simples rapariga, apesar de dizer que eu não era mais uma, não era como as outras.. apesar de dizer que eu marcava a diferença, que tinha marcado a diferença na sua vida.
bem, escolhi-te, sim, a ti, para o dia 2 porque, apesar de tudo, um dia, foste a minha razão para acordar, a minha razão para sorrir, a minha razão para estar feliz. mesmo que TUDO tenha sido baseado em mentiras.
eu não esqueço os momentos, as palavras, os gestos.. eu não esqueço cada lágrima, cada sorriso, cada toque. porque aconteceram, foram reais, deixaram marcas.
mas a verdade é que não mereces nada.
não mereces cada texto, cada palavra, cada sorriso que eu te dou.
não mereces a minha preocupação, o meu tempo, a minha alegria.
não mereces nada que seja meu, porque um dia tiveste tudo, TUDO, e não aproveitas-te nada, jogas-te fora, como se não servisse. brincas-te à descarada e deitaste-me ao lixo, deitaste-me ao chão e não te preocupas-te se me levantava ou não.
mas levantei-me.
levantei-me com sofrimento e com o apoio dos que mais amo, não porque tenhas feito alguma coisa, não porque me ajudas-te, não porque pedis-te desculpa, pois és demasiado orgulhoso para o fazer.


deves estar a perguntar-te : porque é que me escolheste? logo eu?
pois... estou a escrever isto, não é porque quero, mas sim porque o coração mo manda. não é porque mereces, mas sim porque tenho necessidade disso.. não sei porque.. possivelmente para honrar todos os momentos, todos os sorrisos, toda uma história, que aconteceu, mas acabou.
foi melhor assim? não sei.. possivelmente.

sábado, 11 de junho de 2011

dia 1 - adrianacalado ♥

bem,
não vou ficar a contar moscas , esperando que a inspiração me apanhe.
não vou contar carneirinhos para me tirar desta realidade fria, cruel, sem rumo.
não vou ser cobarde, e chegar ao ponto de não ser completamente sincera, completamente eu, completamente... não importa.

escolhi-te para o primeiro dia, porque, indubitavelmente, foste, és e vais continuar a ser aquela base, aquela amiga, aquela parte de mim insubstituível.
não me importa se isto se tornou numa tempestade, se continua um mar de rosas... não me interessa se me magoas-te, se me desiludis-te, se me omitis-te coisas que poderiam ter mudado o meu rumo, a minha vida, a minha infelicidade.
porque, bem lá no fundo, eu sei que só te preocupavas com o meu bem, com a minha felicidade.. lá no fundo, só não me querias magoar, não me querias fazer sofrer pelas duas pessoas que mais amei. Erras-te ao pensar de tal maneira.
mas o tempo não volta atrás, não podes mudar o passado.. nem tu, nem eu. infelizmente.
futuro? é incerto.. posso fazer de tudo para ser a mesma contigo, para tentar perceber o teu ponto de vista, para tentar, conseguir, fracassar salvar esta amizade. mas uma coisa eu sei: não irei desistir.
porque os momentos, as noites acordadas, as maneiras únicas de adormecer,acordar, as guerras de açúcar, os passeios, as palavras, as chamadas, as sms, os abraços, as gargalhadas.. tudo ! tudo foi real, tudo foi único, e TUDO isso me fez sentir amada, realizada, acarinhada.. me fez sentir a pessoa mais sortuda do mundo ! pelo simples facto de existires.

então, escolhi-te para o primeiro dia, pois és aquela base, és aquele cume, és aquela amiga única, insubstituível, parvalhona, porca e maluca !

porque apesar de TUDO, és a Adriana... e eu sei que só queres o meu bem.

as coisas podem já não ser o que eram, podem já não ter remédio.. mas acredita, o passado ficará para sempre guardado em mim.. e acredito que aquela estrela cadente teve significado, e que, JUNTAS, ainda vamos ultrapassar barreiras sem fim, marés, tempestades. porque, nós, juntas, somos NÓS !

o presente será esquecido, e o futuro será bem recebido, porque fizes-te, fazes e continuarás a fazer parte de grande parte de mim, melhor amiga .

quarta-feira, 1 de junho de 2011

gestos, apenas

Esperarei por ti, cada segundo, cada minuto, cada hora, cada dia, cada ano.. Porque um dia chegarás, e não precisarei de ser poeta para tocar no teu coração. Porque os sentimentos não podem ser descritos apenas por palavras... São os gestos que mostram a intensidade de um amor verdadeiro.

quarta-feira, 18 de maio de 2011

apenas , só, um dia.

comecei por uma coisa simples, pelo menos para mim: sentei-me ao piano, respirei, e começou a melodia... uma melodia que me faz pensar, uma melodia que me faz recordar, uma melodia que me faz chorar.
levantei-me, caminhei até à varanda,  com pensamentos, recordações dentro de mim. olhei as estrelas...um tornado de sensações passou por mim. sei que nada nunca foi perfeito, perfeição não existe, mas eras, indubitavelmente um alguém perfeito para mim.
pensei,
pensei em todos os momentos que me proporcionas-te,
pensei em todas as palavras que foram gastas,
pensei no som da tua voz, do que ela me fazia sentir.
recordei,
todos os momentos,
todos os sentimentos,
todas as acções, discussões, tristezas.

certo dia sonhei que estava num belo prado, rodeada por pequenas flores de cor amarela, e sentia-me bem. não percebia porque, mas sentia-me bem. até que a dado momento, por entre aquele amarelo prado, apareces-te tu, com um ar angelical, e me sorris-te. aí percebi que eras tu. eras tu o meu anjo, eras tu o homem capaz de pintar a minha vida de uma maneira colorida e sem igual.

acreditei durante ano e meio que esse sonho era verdade, que realmente, eras o meu anjo, o meu menino.. que eras o tal. acho que nunca estive tão enganada na minha vida, pois, tu, só me desiludis-te, só me enganas-te, só me tratas-te como se de uma boneca me tratasse.
cada palavra, cada gesto, para ti, não passaram de mais do que isso, enquanto que para mim, foram tudo.
eu já não te amo mais. já não amo a pessoa em que te tornas-te (ou que sempre foste), já não te reconheço. por incrível que pareça, cada vez me importo menos com isso.

olharei mais as estrelas, recordarei, pensarei, chorarei. mas não vai passar disso.
recordas? pensas? sentes saudades? não.
apenas continuas a agir como se uma estranha fosse.
importo-me com isso? não, pois também és um estranho.

tu e eu, existiu. ponto final, fim.

um dia, irei olhar para trás para um passado que existiu, foi bom,foi mau.
um dia, verte-ei na rua, olharte-ei... vou reconhecer-te? talvez... lembrar-me-ei de ti? sem dúvida alguma.
um dia, vou tocar novamente aquela melodia, e já não chorarei: sorrirei.
um dia, vou voltar a sentir-me livre,
apenas, só, um dia, vais-te lembrar de mim,
mas será que vais a tempo?




segunda-feira, 2 de maio de 2011

nada mudou, apenas continuarei.

não sei sobre escrever
não sei o que sentir,
não sei o que pensar,
só sei que continuo a te amar.

não sei se recordo todos os momentos,
todas as palavras,
todos os sentimentos. 
apenas sei, sei com certeza, que cada um valeu a pena,
sei que nao foram meros momentos, meras palavras, meros sentimentos.

felizmente sei, agora sei,
sei que não mereceste nada do que te dei,
o tempo desperdiçado, as palavras gastas,
os beijos, abraços, silêncios que falavam por si,
não te mudaram.
continuas a ser o mesmo menino, 
criança, imaturo,
que não sabe o que quer, não sabe dar valor.

continuarei a seguir este rumo? não, não continuarei.

seguirei minha vida,
cumprirei as promessas antes feitas, que não cumpri.
não cumpri pois vinhas tu, com tuas palavras, teus gestos, teus abraços.
mudavas tudo. ingénua, eu sei.

mas deixei de ser.
agora sou feliz. sem ti,
como já a muito tempo não o era.

obrigada, 
ensinaste-me muitas coisas, fizeste-me crescer.
chorei, mas hoje consigo sorrir, sem guardar rancor.
como dissemos uma vez: o amor e a arma mais forte do mundo !

quem ama cuida, respeita, perdoa,
também esquece alguns momentos..

bem, eu cuido, respeito...
esqueço, mas não perdoo totalmente.
o que esperas?
o que pensas?
o que sentes?

não me importa mais. seguirei em frente,
olhando para trás e recordando tudo o que fomos, sentimos, fizemos,
como parte de um passado, um capitulo da minha vida, 
que acabou, inacabado.



de uma criança apaixonada, que sonhou, viveu, sentiu,
para um alguém que nada mereceu, mas por momentos me fez sentir a pessoa mais feliz do mundo !

sei que não iras ler isto... apenas deixo aqui um desabafo que nada mudara.

domingo, 1 de maio de 2011

Vida .

Já perdoei erros quase imperdoáveis,
tentei substituir pessoas insubstituíveis
e esquecer pessoas inesquecíveis.

Já fiz coisas por impulso,

já me decepcionei com pessoas
que eu nunca pensei que iriam me decepcionar,
mas também já decepcionei alguém.

Já abracei pra proteger,

já dei risada quando não podia,
fiz amigos eternos,
e amigos que eu nunca mais vi.

Amei e fui amado,

mas também já fui rejeitado,
fui amado e não amei.

Já gritei e pulei de tanta felicidade,

já vivi de amor e fiz juras eternas,
e quebrei a cara muitas vezes!

Já chorei ouvindo música e vendo fotos,

já liguei só para escutar uma voz,
me apaixonei por um sorriso,
já pensei que fosse morrer de tanta saudade
e tive medo de perder alguém especial (e acabei perdendo).

Mas vivi!

E ainda vivo!
Não passo pela vida.
E você também não deveria passar!

Viva!!


Bom mesmo é ir à luta com determinação,

abraçar a vida com paixão,
perder com classe
e vencer com ousadia,
porque o mundo pertence a quem se atreve
e a vida é "muito" para ser insignificante.  

Augusto Branco

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Passado.

Hoje? É hoje. Nao tenho nada a dizer.
Eu achava que precisava de escrever, que tinha necessidades de escrever, mas agora penso: como vou escrever sobre aquilo que sinto se eu nao sinto nada?
Fizes-te com que me sentisse nada, com que nao sentisse nada. Sou apenas mais um corpo, mais uma pedra.
Afinal de contas, eu vivi cada momento, cada palavra, cada gesto muito mais que tu. Nao foi para ti o que foi para mim. Agora? Agora nada. Pouco da consideraçao que restava foi-se graças aos teus gestos, as tuas acçoes. Vai, anda para a frente, com quem quiseres. Se feliz ! Mas nao olhes para o passado, ja o esqueci.

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Amor



"Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?"

segunda-feira, 14 de março de 2011

Nunca pensei que seria tão fácil, que custaria tão pouco. Afinal esquecer-te está a ser mais fácil do que o que eu pensei, afinal de contas, as tuas acções têm ajudado. Não vou dizer que não me custa, pois estaria a mentir, mas se tem de ser... 







Mas uma coisa é certa : és e serás para sempre o meu moranguinho :)

sábado, 12 de março de 2011

Agora!?

Estava no meu quarto, na minha cama, enrolada nos meus lençois a dormir. Sonhava com coisas que nunca poderiam existir, coisas surreais, coisas boas demais!
Lembro-me como se fosse hoje, era Outono, a chuva batia na minha janela numa sinfonia inesplicavel, era lindo, perfeito ! Adormeci assim, com esse som a relaxar-me a alma, adormeci em paz. A meio do sono estava eu num belo prado, a pensar  num certo alguem, um alguem que pensei que na altura era o meu mundo. So dei por mim a acordar afogada em lagrimas, a chorar como se nao houvesse amanha ! Porque ?! Porque pensava que sonhava demais, que o sonho nao iria passar de apenas um sonho, que o ser que eu imaginava nao existira, nao era como eu pensava que era. Bem, por um lado estava certa, mas por outro nao. Estava certa porque tal ser, tal principe encantado, tal pessoa parece nao existir. Onde errei? Errei em pensar que o sonho se iria concretizar, errei em pensar desde o inicio que seria tudo como eu queria e sempre havia sonhado.
NAO !
Estava errada !
Mas se nao se confia nos nossos proprios sonhos vamos confiar em que?
Como disse, era Outono. Ainda era uma "criança", nao tinha vivido as coisas. Agora e quase Primavera, eu cresci, vivi as coisas, errei e aprendi com os erros ! Fui feliz?  Sim, fui. Valeu a pena? Sim, valeu. 
E agora?!
Seguirei em frente como tu fizeste recordando o passado da melhor maneira possivel? Nao.
Agora acabou.

sexta-feira, 11 de março de 2011

Quem ama cuida !

Deitada num lindo prado, eu e eu, respirava a natureza, sentia a brisa, o perfume das flores, sentia-me livre, olhava para o céu, descobria formas nas nuvens, não pensava. 
Até que apareceu uma nuvem.. Sim, uma nuvem com aquela forma perfeita e única que tu e só tu sabes. A tua memória invadiu-me, comecei a pensar em ti e em todos os momentos, todos os gestos, todas as palavras, lembrei-me de tudo. Tive memórias felizes e memórias tristes, mas não me importo. Não me importo porque cada uma delas foi passada a teu lado, muitos dos melhores e piores momentos da minha vida foram passados ao teu lado
Tento tirar-te da minha cabeça. Passado é passado ! Mas não dá, não consigo, não sei se quero.
Mas oh pah, eu não tenho de querer ! É o melhor para mim, é o que eu devia ter feito há muito tempo, nunca devias ter entrado nela. Não se escolhe quem se ama.
Sim, houve um nós, agora não há, nem haverá. Será que esquecerei o passado, esquecerei todos os dias, todos os momentos, todos os gestos, todas as palavras? Não, não esquecerei. Não esquecerei porque não quero. Lembrar-me-ei sempre daquele nós.
Tentei dar-te o melhor de mim, tentei agradar-te. Juro, foste o melhor de mim, por um tempo foste a minha razão de continuar a respirar, deste-me as razões que precisava para continuar a acreditar ! E eu isso não vou nem quero esquecer ! Terás para sempre um lugar guardado para ti, porque foste o único que me fez sentir bem, que me fez sentir eu, que me fez amar como eu nunca tinha amado !

Quem ama cuida !

E eu desejo-te as melhores felicidades do mundo, esquece o passado, vive só o presente e não penses no futuro. Ele acabará sempre por te estragar o presente. 


Mas serás para sempre o meu morango.

<3


** Fim :) **

quinta-feira, 10 de março de 2011

Que foi?

Que foi? Não foi nada? Não deixou marcas?
Que foi? Foi tempo perdido? Não significou nada?
Que foi? Não fui nada? Não signifiquei nada?
Que foi? Cada "amo-te <3" não foi mais que palavras, não foi real?
Que foi? Estava num sonho e acordei com um pesadelo?
Mas que foi!? Abri os olhos? Tarde demais para o fazer. Não soube fazer as coisas, ceguei pelo teu amor. 
Queria seguir um caminho, mas não tinha chão,
Queria ser amada, mas parece que não o mereci.
Que foi? Que foi que fiz? Que foi que aconteceu? 

Culpar-me-ei? Não. Serei feliz? Sim! Admito: DESISTI !